Tigre de santuário ataca voluntária e quase arranca seu braço; assista

Redação Notícias
·1 minuto de leitura

Uma voluntária do santuário de cuidados animais Big Cat Rescue, que fica na Flórida, Estados Unidos, está em estado grave após ter sido atacada por um tigre na manhã da quinta (3). Assista no vídeo acima.

De acordo com uma declaração emitida pelo santuário de gatos selvagens, uma voluntária chamada Candy Couser teve seu braço “quase arrancado na altura do ombro” por um tigre chamado Kimba após abrir o portão do animal por engano.

Leia também

Os relatos apontam que outros trabalhadores se aproximaram no momento do ataque e só assim que Kimba largou a vítima. A ambulância teria chegado ao local entre 15 e 20 minutos após o acidente, tratado de maneira inicial por uma voluntária que se apresentou como enfermeira.

A organização lamentou o ataque e afirmou que, agora, o animal passará por um período de observação de cerca de 30 dias por precaução. Eles afirmam que não havia nenhum problema anterior e ele agia normalmente devido à grande oferta de alimentos.

O local ficou bastante conhecido quando foi apresentado na série documental Tiger King, da Netflix.