Tiroteio deixa 3 mortos e 2 feridos em campus da Universidade da Virgínia

(Reuters) - Um tiroteio no campus da Universidade da Virgínia no final do domingo deixou três pessoas mortas e duas feridas, disse a polícia da universidade em um tuíte, acrescentando que o suspeito ainda está foragido e "armado e perigoso".

A polícia da universidade identificou um estudante, Christopher Darnell Jones, como suspeito, e afirmou que várias agências estavam envolvidas em uma busca ativa.

Jones estava vestindo uma "jaqueta cor de vinho, jeans azul e sapatos vermelhos" e pode estar dirigindo um SUV preto, segundo as autoridades.

Um e-mail enviado ao corpo discente pelo vice-presidente da universidade recomendou que todos os alunos buscassem segurança e seguissem os comandos de abrigo no local, pois a situação permanecia ativa.

O tiroteio é o mais recente de uma onda de violência armada em faculdades e escolas dos EUA nos últimos anos. A violência tem alimentado o debate sobre restrições mais rígidas ao acesso a armas nos Estados Unidos, onde a Segunda Emenda da Constituição garante o direito de portar armas.

(Reportagem de Jyoti Narayan em Bangaluru)