Tiroteio em festival mata adolescente de 15 anos e deixa três feridos nos EUA

Um adolescente de 15 anos morreu e outras três pessoas ficaram feridas em um tiroteio durante um festival de rua em U Street, na cidade de Washington, nos Estados Unidos, neste domingo. Conforme a polícia, o evento "Moechella" não tinha autorização para ser realizado.

Guerra da Ucrânia: Mecânico transforma picapes em carros de combate

Em entrevista coletiva realizada à noite, o chefe da Polícia Metropolitana de Washington, Robert Contee, disse que várias centenas de pessoas se reuniram no “evento não permitido” e a polícia foi para o local com o objetivo de interromper o festival após o registro de uma briga.

Alerta: Após surto de Covid-19, Coreia do Norte relata 'epidemia' de doença intestinal não identificada

Outro incidente no mesmo dia levou várias pessoas a serem pisoteadas e feridas. A polícia diz que o evento foi encerrado naquele momento, mas também indicou que a multidão permaneceu na área. Mais tarde, tiros foram disparados no local. Entre os quatro baleados, há um policial, que foi levado para o hospital com as outras duas vítimas que resistiram aos ferimentos.

— Certamente queremos garantir que as pessoas sejam responsabilizadas quando realizam eventos não permitidos em nossa cidade. Esse é um dos motivos — disse Contee, conforme o portal USA Today.

Vídeos: Problema no sistema de controle de bagagens transforma aeroporto de Londres em 'mar' de malas

A identidade das vítimas não foi divulgada. A polícia informou ainda que "várias" armas de fogo foram apreendidas no local, incluindo uma que pertencia a um dos baleados.

A prefeita Muriel Bowser também fez um pronunciamento sobre o caso:

— Temos uma criança que foi morta hoje em um evento que não teve nenhum planejamento adequado. Precisamos de alguma responsabilidade aqui — ressaltou.

De acordo com a página do Instagram de Moechella, o evento foi idealizada como uma “manifestação pacífica” no feriado de Juneteenth, que marca o fim da escravidão nos EUA e foi realizado em U Street por ser um distrito historicamente habitado pela população negra na capital do país.O festival também celebrava o go-go, um gênero de música que se originou e ainda é popular em Washington.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos