Tite convoca Pedro, do Flamengo, mas mantém Neymar na seleção para Eliminatórias

·2 minuto de leitura

Antes presente na lista de suplentes da seleção brasileira, o atacante Pedro, do Flamengo, está convocado e relacionado pelo técnico Tite para os próximos jogos da seleção brasileira pelas Eliminatórias da Copa 2022.

O chamado de Pedro se dá por causa da lesão de Neymar, que não terá condições de atuar contra a Venezuela, no dia 13 de novembro, mas não foi cortado, já que o departamento médico da seleção tentará prepará-lo para o duelo contra o Uruguai.

- Tenho contato frequente com o médico do PSG e sabemos das condições físicas do Neymar desde o dia de sua lesão na Champions. Acreditamos que com uma semana intensiva de tratamento e com a estrutura do Centro de Excelência na Granja Comary temos a possibilidade de recuperação para o segundo jogo. Vamos acompanhar de perto sua evolução - disse o médico da seleção, Rodrigo Lasmar, ao site da CBF.

Pedro e os demais jogadores convocados por Tite se apresentam segunda-feira, na Granja Comary, em Teresópolis.

Pedro foi chamado para a lista de suplentes ao lado de Bruno Henrique, mas a opção pelo centroavante se dá diante do ótimo momento pelo Flamengo. Ele vem num ritmo de gols e foi eleito jogador do mês de outubro em eleição organizada pela CBF com jornalistas. Só no Brasileirão, Pedro já fez dez gols.

O atacante já tinha sido convocado por Tite em 2018, mas sofreu uma lesão ligamentar no joelho, quando ainda atuava pelo Fluminense, e precisou ser cortado. Com isso, o Flamengo volta a ceder dois jogadores para a seleção brasileira, já que Everton Ribeiro estava na convocação inicial, enquanto Rodrigo Caio foi cortado e deu lugar a Diego Carlos

Além do problema físico com Neymar, Tite também perdeu Éder Militão, substituído por Felipe. Fabinho, do Liverpool, e Coutinho, do Barcelona, foram outros jogadores desconvocados por lesão, sendo substituídos por Paquetá, do Lyon, e Allan, do Everton.