Torcedor que atirou garrafa em Payet é condenado a 6 meses de prisão com sursis

·2 min de leitura

Ele feriu um jogador, provocou a interrupção e o adiamento da partida entre o Lyon e o Olympique de Marselha no último domingo (21). O torcedor que atirou uma garrafa d'água contra a cabeça do atacante Dimitri Payet foi condenado nesta terça-feira (23) a seis meses de prisão com sursis.

"Não sei o que deu na minha cabeça, euforia, não sei." Vestido com uma camisa do Bayern de Munique, o entregador de comida Wilfried Serriere, de 32 anos, tentou explicar em um tribunal de Lyon, no centro-leste da França, o que o incitou a agredir o capitão do Olympique de Marselha, no último domingo (21).

Payet se preparava para bater um escanteio quando foi atingido por uma garrafa d'água na cabeça. Segundo Serriere, torcedor do Lyon, seu objetivo não era machucar o jogador. Ele disse que pegou a garrafa no chão da arquibancada, onde assistia à partida, antes de ter a ideia de atirá-la.

Nas imagens captadas pelas câmeras e exibidas na audiência nesta terça-feira, o torcedor aparece abaixando o capuz de seu casaco, para esconder o rosto, antes de lançar a garrafa de 500 ml cheia. Serriere pediu desculpas a Payet a ao Olympique de Marselha pelo ato.

Violência voluntária

O advogado de Serriere, David Metaxas, ainda tentou argumentar que "a violência é inerente a esse esporte". Segundo ele, o réu recorreu a "um ato de reflexo absolutamente estúpido", mas a justificativa não convenceu.

Segundo Daurat, o jogador sofre de sequelas psicológicas "graves". "O medo vai voltar a cada vez que ele for bater um escanteio", argumentou.

Futuro do futebol francês


Leia mais

Leia também:
Lyon x Olympique de Marselha: novo episódio de violência em campo ofusca campeonato francês
Ministério Público abre investigação sobre tumulto e interrupção do jogo entre Nice e Marselha
Governo francês reforça segurança temendo mais violências na final da CAN

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos