Toyota e parceiros desenvolverão vans e caminhões leves a célula de combustível

TÓQUIO (Reuters) - A Toyota disse nesta terça-feira que vai trabalhar com montadoras parceiras para desenvolver vans comerciais e caminhões leves movidos a célula de combustível.

Os modelos serão desenvolvidos para um projeto de promoção do uso generalizado de veículos eletrificados e, eventualmente, para o mercado de massa. O projeto, com início previsto para janeiro de 2023, terá veículos sendo usados ​​para transportar mercadorias entre Tóquio e Fukushima.

A Toyota disse que trabalhará com os especialistas em miniveículos Daihatsu e Suzuki para desenvolver pequenas vans comerciais elétricas, com o objetivo de iniciar a produção no próximo ano e começar as vendas no mercado de massa em um momento adequado.

Os miniveículos, que nas versões a gasolina possuem cilindradas de até 600cc, são um segmento bastante específico para o Japão. Os miniveículos comerciais representam cerca de 60% de toda a frota comercial do país e cobrem muitas áreas apenas acessíveis a eles devido ao seu pequeno tamanho.

A Toyota trabalhará com os fabricantes de caminhões Isuzu e Hino no desenvolvimento de caminhões leves movidos a células de combustível.

O projeto está programado para durar até março de 2030 e está sendo organizado por uma coalizão de veículos elétricos comerciais liderada pela Toyota, com a participação de governos locais, empresas de logística e energia.

Cerca de 580 veículos serão fabricados para uso no projeto.

(Por Satoshi Sugiyama)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos