Trânsito de SP faz com que imóveis bem localizados ganhem preferência

SÃO PAULO – Os apartamentos menores e localizados em regiões de fácil acesso devem virar as “vedetes” do mercado imobiliário na cidade de São Paulo. A opinião é do CEO da Vitacon Incorporadora, Alexandre Lafer Frankel, e se baseia, entre outros pontos, em uma pesquisa divulgada recentemente pela rede Nossa São Paulo, em parceria com o Ibope.

A pesquisa, que analisou o trânsito de São Paulo para definir diretrizes para lançar novos empreendimentos, mostra que o paulistano vê os congestionamentos como o segundo maior problema da cidade, atrás apenas da saúde.

De acordo com o levantamento, as pessoas gastam, em média, 2h49 se locomovendo dentro de São Paulo. “A mobilidade urbana já é uma das questões mais importantes para o paulistano, já que hoje as pessoas gastam 30% do seu tempo útil presas no engarrafamentos”, aponta Frankel.

Perto de tudo Para o executivo, as famílias tendem a preferir morar perto do trabalho e da escola dos filhos, mesmo que o apartamento tenha metragem menor. “Isso afeta também o tema da sustentabilidade, que vem sendo pauta importante entre as famílias paulistanas. Ao morar perto do trabalho, por exemplo, usa-se menos o carro, o que – consequentemente – diminuiu a poluição”, acredita Frankel.