Três crianças entre as vítimas do deslizamento na ilha de Ischia

O deslizamento de terras de sábado em Casamicciola, na ilha italiana de Ischia fez pelo menos sete mortos, incluindo um recém-nascido e duas outras crianças.

As outras mortes confirmadas são dos pais do bebé, de uma turista búlgara e de um residente local. Depois da descoberta de um corpo no sábado, os outros seis cadáveres foram encontrados este domingo entre os escombros. Há ainda cinco desaparecidos e as autoridades alertam para o risco de novos deslizamentos.

O governo italiano decretou o estado de emergência nesta ilha ao largo de Nápoles e disponibilizou dois milhões de euros para as operações de socorro e para restabelecer os serviços públicos básicos. As equipas de socorro continuam os esforços para encontrar os desaparecidos, enquanto esmorece a esperança de os encontrar com vida. O deslizamento foi provocado por chuvas torrenciais, que segundo as autoridades locais foram as mais fortes dos últimos 20 anos.