Trabalhadores do setor da saúde pública protestam em Madrid

Munidos de cartazes e em uníssono, milhares de trabalhadores do setor da saúde saíram, este domingo, às ruas de Madrid, em protesto.

Denunciaram falta de pessoal, o favoritismo das autoridades pelos prestadores privados e o desmantelamento do sistema de saúde pública por parte do governo regional conservador, liderado por Isabel Ayuso.

Na resposta, Ayuso fala em protestos motivados por interesses políticos dos rivais de esquerda rumo às eleições regionais de maio em grande parte de Espanha.