Traficante que tentou fugir da cadeia vestido de mulher é encontrado morto

Traficante que se disfarçou de mulher com uma máscara de borracha e peruca foi encontrado morto na cela. (Foto: Reprodução)

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Flagrado tentando sair da cadeia vestido de mulher, traficante Clauvino da Silva foi encontrado morto

  • A SAP suspeita que ele tenha sido ajudado pela filha na fuga frustrada, no sábado

O traficante flagrado por agentes penitenciários tentando fugir do presídio disfarçado de mulher, no último sábado (3), foi encontrado morto na cela que ocupava no presídio Bangu 1, no Rio de Janeiro.

SIGA O YAHOO NOTÍCIAS NO INSTAGRAM

Agentes da Secretaria de Administração Penitenciária localizaram Clauvino da Silva, 42, enforcado com um lençol enrolado no pescoço. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Civil foram acionados, segundo informações do jornal Extra.

Leia também

No sábado, o traficante usou uma máscara de mulher, peruca e óculos de grau para tentar fugir do presídio de Bangu 3. Após a tentativa de fuga frustrada, ele foi colocado em isolamento em Bangu 1, presídio de segurança máxima do Rio, onde foi encontrado morto.

O detento acumulava quase 100 anos de prisão em condenações e foi um dos 31 que fugiram pelo esgoto do Instituto Penal Vicente Piragibe, no Complexo de Gericinó, em fevereiro de 2013. Ele foi preso em Angra dos Reis, logo após a fuga.

A filha dele, Ana Gabriele Leandro da Silva, de 19 anos, é suspeita de ter ajudado o pai na tentativa de fuga, segundo informações da Seap. Outros oito visitantes, entre eles uma grávida, também são suspeitos. Todos os envolvidos estão sendo encaminhados para a 35ª DP (Campo Grande).