Traficantes são presos em flagrante no Jacaré, Zona Norte do Rio, após cerco de policiais

Equipes da 25ª DP (Engenho Novo) prenderam em flagrante um grupo de quatro pessoas por tráfico de drogas na comunidade do Jacaré, na Zona Norte do Rio, nesta quinta-feira (23). Com os acusados foram apreendidas 1.900 trouxinhas de maconha, 770 papelotes de cocaína, 55 frascos de cheirinho da loló. Além das drogas, também foram encontrados três rádios transmissores, dois artefatos explosivos, quatro aparelhos telefônicos, quatro mochilas e R$ 425,00 em espécie.

Conhecido como ‘Tarzan’: Polícia prende suspeito de chefiar gangue de falsos ambulantes que atua em praias do Rio

Mais vítimas? Madrasta presa por envenenar enteados é suspeita de morte de namorado e de vizinho

Segundo informações da Polícia Civil, os agentes atuaram a partir de mapeamento e coleta de dados de inteligência. O cerco foi realizado na praça da comunidade e um dos presos, Ozimar de Lima Andrade, vulgo “2T”, tinha mandado de prisão pendente por tráfico de drogas. Outros três pessoas foram autuadas e presas: Tayane Critina Pereira da Silva, conhecida como “Sapatona”, Fábio Tavares da Silva, cujo apelido é “FB” e Gabriel Rosa da Silva, vulgo Lobito.

Os presos serão encaminhados à Secretaria estadual de Administração Penitenciária, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Para comprar gasolina ilegal: Sogra acusada de matar genro inventou história para frentista, que se comoveu

Um vídeo que circulou nas redes sociais mostra o grupo detido pelos policiais durante a ocorrência. Moradores relataram ter ouvido tiros na região por volta das 17h. Não houve registros de feridos ou mortos durante a ação.

Segundo informou a polícia, a ação que faz parte do programa Cidade Integrada não causou danos à população local e nem aos policiais envolvidos na diligência.

A poucos metros de batalhão da PM: Empresário é morto a tiros em Cabo Frio, na Região dos Lagos

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos