"Travessia": Jade Picon encara “maldição” de outros estreantes de Gloria Perez

Jade Picon encara sua primeira personagem em
Jade Picon encara sua primeira personagem em "Travessia" (Foto: Divulgação/Globo)

Existia uma expectativa enorme de como seria a atuação de Jade Picon em "Travessia", nova novela das nove da Globo. Agora, passados alguns capítulos desde a estreia, é fácil dizer que a missão da novata não será nada fácil. A atriz estreante terá que provar que é mesmo capaz de convencer o público com sua personagem, Chiara, uma jovem influenciadora mimada. Essa realidade é similar a outros protagonistas de tramas de autoria Gloria Perez, que encararam fortes críticas tanto da mídia quanto de espectadores.

De cara, a influenciadora já está diante de um dilema: sua personagem é parecida demais com sua persona no mundo real. É claro que não é um reflexo da pessoa real, que não está sempre diante dos holofotes, mas é sim um reflexo de uma certa imagem que se criou sobre Jade, ou seja, de uma jovem milionária, que faz sucesso nas redes e pode comprar o que quiser.

Com isso, as piadas nas redes foram inevitáveis. “Jade acabou de olhar para a câmera, o que a colocou no mesmo rol de grandes atrizes que quebraram a quarta parede como Fernanda Torres, Phoebe Waller-Bridge, Andreia Beltrão e Mharessa Fernanda”, brincou, por exemplo, Fábio Garcia, um dos donos do canal 'Coisas de TV', que analisa o universo televisivo brasileiro.

Os comentários mostram que Jade ainda não conseguiu quebrar uma ideia pré-estabelecida sobre sua participação no folhetim. Sendo que ela é uma das protagonistas da história e já ganhou status de estrela, como ficou aparente na festa de lançamento da novela, isso pode vir a se tornar um problema para o andamento dos capítulos.

Vale ressaltar que isso não é novidade quando o assunto é Gloria Perez. Outras tramas assinadas por ela apostaram em rostos novos em papéis importantes, com resultados questionáveis, quando não desastrosos.

Cigano Igor

Um exemplo é em "Explode Coração" (1995). Ricardo Macchi, até então completamente desconhecido do grande público, foi chamado para viver o personagem Igor, um dos pares românticos da heroína Dara (Tereza Seiblitz). O resultado? O ator mostrou pouquíssimo jogo de cintura em cena, para dizer o mínimo, e o nome de seu personagem, Cigano Igor, virou sinônimo de má atuação.

<p></p><p>Transmitida em 1995 pela TV Globo, a novela tem como trama principal o amor proibido de Dara (Tereza Seiblitz) pelo empresário Julio Falcão (Edson Celulari). A jovem é de uma família de ciganos que segue as tradições a risca, e está prometida desde criança para se casar com Igor (Ricardo Macchi). Além de ter outra paixão, Dara contraria os pais querendo estudar e ter sua independência. E detalhe: em 1995, o casal se conheceu pela internet!<br />Foto: Reprodução/ TV Globo </p><p></p>

Transmitida em 1995 pela TV Globo, a novela tem como trama principal o amor proibido de Dara (Tereza Seiblitz) pelo empresário Julio Falcão (Edson Celulari). A jovem é de uma família de ciganos que segue as tradições a risca, e está prometida desde criança para se casar com Igor (Ricardo Macchi). Além de ter outra paixão, Dara contraria os pais querendo estudar e ter sua independência. E detalhe: em 1995, o casal se conheceu pela internet!
Foto: Reprodução/ TV Globo

Um quadro muito similar se viu em "A Força do Querer (2017)". Fiuk já havia atuado em outras obras, então não era totalmente verde. Mas claramente se mostrou incapaz de carregar o peso do protagonista Ruy. O intérprete muitas vezes não conseguiu dar conta das cargas de suas cenas e ficou apenas com os olhos esbugalhados em situações que deveriam provocar emoção nos espectadores. Não é necessário dizer que as piadas e comentários negativos se multiplicaram.

Detonado pelo público, Fiuk rebate: 'A internet dá poder para qualquer um' (Foto: Reprodução/Globo)
Detonado pelo público, Fiuk rebate: 'A internet dá poder para qualquer um' (Foto: Reprodução/Globo)

Em "Salve Jorge" (2012), Nanda Costa também foi alvo de críticas por sua interpretação como Morena. A atriz já tinha experiência na televisão, mas nunca havia vivido uma protagonista e sua performance causou estranhamento no início. Entretanto, com o passar do tempo, ela conseguiu convencer os fãs e veio a se destacar em outros papéis em folhetins.

Dira Paes e Nanda Costa (Foto: Reprodução/TV Globo)
Dira Paes e Nanda Costa (Foto: Reprodução/TV Globo)

Portanto, apesar do histórico conturbado de atores que foram apostas da autora Gloria Perez, existe um caminho para Jade convencer o público de que está apta para a tarefa. Porém, a trama precisará avançar mais e dar oportunidades mais densas para a nova atriz se mostrar. Até aqui, ela só fez o que espectadores já esperavam dela. O caminho para o convencimento será longo.