TRE começa a lacrar urnas após inserir dados de votação no DF

6.748 urnas serão usadas nas eleições em Brasília (Getty Images)
6.748 urnas serão usadas nas eleições em Brasília

(Getty Images)

  • TRE-DF começa a lacrar urnas que serão usadas nas eleições;

  • Cerca de 1 mil urnas serão preparadas por dia até 28 de setembro;

  • Processo também insere, antes do lacre, dados da votação nas urnas.

O Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF) começou, nesta quarta-feira (21), a inserir os dados da votação nas urnas eletrônicas e a lacrar os equipamentos. O processo deve continuar até 28 de setembro, quando se encerra a preparação das 6.748 urnas que serão usadas nas eleições em Brasília.

O procedimento garante ao eleitor que o voto registrado na urna seja computado de forma segura. A cada dia, serão lacrados cerca de mil equipamentos, que só serão abertos no dia das eleições.

A cerimônia de preparação conta a presença do presidente do TRE-DF, desembargador Roberval Belinati, e o vice-presidente do Tribunal e Corregedor Eleitoral, desembargador Mario-Zam Belmiro Rosa. NO DF, são 125 técnicos da Justiça Eleitoral e cerca de 200 auxiliares contratados para o serviço de carga nas urnas.

Como funciona o processo

Antes do lacre, as urnas são carregadas com mídias que têm informações dos candidatos, partidos, coligações e federações, bem como os dados dos eleitores de cada seção eleitoral e cartões de memória. Essas mídias são como pendrives que ficam na parte traseira do equipamento.

As mídias com os dados das candidaturas foram organizadas na última semana. Já o software com o sistema eleitoral foi lacrado em cerimônia no TSE no começo de setembro.

Depois que esse processo é feito, as urnas recebem 5 lacres em lugares diferentes, assinados pelo juiz da zona eleitoral a qual serão enviadas as urnas. Posteriormente, 3% dos equipamentos de cada zona eleitoral são sorteados para um teste de verificação.

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)

Veja as últimas pesquisas eleitorais para presidente: