Treinador do West Ham reduz seu salário voluntariamente em 30%


O técnico David Moyes, do West Ham, decidiu reduzir o salário em até 30% para ajudar o clube inglês neste momento de crise pelo coronavírus. Moyes é o terceiro treinador do Campeonato Inglês a tomar a atitude. Antes dele, Eddie Howe, do Bournemouth, e Graham Potter, do Brighton, também o fizeram.

A decisão do comandante dos Hammers é tomada enquanto os jogadores da Premier League e a Associação de Futebolistas Profissionais (PFA) não chegam a um consenso sobre a redução dos salários.

O Reino Unido é a quinta região mais afetada pela COVID-19 na Europa, atrás somente de Espanha, Itália, Alemanha e França. Até o momento, 51.608 pessoas testaram positivo para a doença e 5.373 mortes foram confirmadas.