Tribunal de Justiça suspende decisão do Conselho Deliberativo por SAF do Vasco

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) deferiu o pedido de cinco sócios do Vasco para suspender a decisão do Conselho Deliberativo do clube, que havia recomendado a venda da sociedade anônima de futebol para a 777 Partners. As informações são do ge.

A decisão, no plantão judicial, impede a continuidade do rito de aprovação da SAF e ameaça a realização da AGE em 7 de agosto, como previsto. O presidente da AGE, Otto Carvalho, afirmou que iria protocolar nesta quinta-feira a convocação da votação para a data definida de agosto. Com a decisão da justiça, no entanto, não será possível realizar o procedimento, o que pode atrapalhar o cronograma da votação.

O grupo inicialmente desejava a paralisação da reunião do Conselho Deliberativo, alegando que não teve acesso aos contratos e portanto não poderia votar sobre o assunto, mas a sentença só foi deferida após o final do evento. Assim, o efeito foi de suspender as decisões tomadas no encontro.

O clube vai recorrer da decisão com urgência. O Vasco espera finalizar o processo de venda da SAF antes do dia 15 de agosto, data em que a janela de transferências do futebol brasileiro será fechada. Assim, a 777 Partners poderia investir no clube ainda nesta janela.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos