Tribunal Regional Eleitoral cassa mandato de governador do Pará

SÃO PAULO (Reuters) - O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Pará cassou por 4 votos a 2 nesta quinta-feira o mandato do governador do Estado, Simão Jatene (PSDB), e determinou sua inegibilidade por oito anos, informou a corte eleitoral.

A decisão atendeu a pedido feito pelo Ministério Público Eleitoral que apontou abuso de poder econômico cometido pela chapa encabeçada por Jatene nas eleições de 2014, acrescentou o tribunal.

Jatene, de 66 anos, está no terceiro mandato como governador do Pará e reelegeu-se ao posto na eleição de 2014.

Ele poderá recorrer da decisão perante o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A Reuters não conseguiu contato com algum representante do governador para comentar a decisão da Justiça Eleitoral.

Jatene poderá permanecer no cargo enquanto aguarda o resultado de um eventual recurso ao TSE.

(Reportagem de Eduardo Simões)