Trilha sonora de 'Pantera Negra' tem rap inteiramente no idioma maia e artistas do México e da Nigéria

A trilha sonora do filme "Pantera Negra: Wakanda para sempre" foi lançada nesta sexta-feira, uma semana antes do longa estrear nos cinemas dos Estados Unidos daqui a uma semana. Pelo fato de a história ser inspirada nas culturas nigeriana e mesoamericana, sessões de gravação foram realizadas em Lagos, na Nigéria, na Cidade do México, capital do México, e também nos estúdios Abbey Road, em Londres.

Os produtores trabalharam com artistas populares como Tems, de Lagos, cenário fértil de inovação musical na África. A trilha também apresenta rappers e artistas da Cidade do México, talentos emergentes como Pat Boy, que faz rap inteiramente no idioma maia. Na Cidade do México, Göransson trabalhou de perto com o arqueólogo musical Alejandro Rojas para pesquisar e explorar a música maia. Instrumentos nativos das culturas nigeriana e mesoamericana foram destacados na criação das paisagens sonoras da trilha.

O álbum da trilha sonora traz mais de 40 artistas internacionais em gravações realizadas em Lagos, na Nigéria, na Cidade do México e em Londres e Los Angeles. Entre os artistas estão Rihanna, Tems, Fireboy DML, OG DAYV Ft. Future, CKay Ft. PinkPantheress, E-40 e muitos outros. “Lift Me Up”, o single principal do álbum, cantado por Rihanna, fez história esta semana como canção mais adicionada à programação de rádios em toda a história do rádio dos Estados Unidos, gerando a maior soma diária de execuções de um single e também a maior soma diária de audiência já alcançada por uma canção.

Ludwig Göransson, vencedor de dois Emmys, dois Grammys e um Oscar, compôs e produziu a trilha orquestrada e também as canções originais. Sua longa carreira produzindo artistas (Childish Gambino, Adele, Haim, Justin Timberlake), bem como seu trabalho com scores de filmes e séries de TV (“Black Panther”, “Creed”, “The Mandalorian”) o tornam singularmente qualificado para dirigir as duas partes da ambientação sonora do filme.

No que se tornou um enorme trabalho de amor, Göransson passou mais de 2.500 horas gravando a parte orquestrada e as canções da trilha sonora — o que envolveu seis estúdios em três continentes e cinco países. Ao longo do filme, o público ouve mais de 250 músicos, duas orquestras, dois corais e mais de 40 vocalistas.

Produção da Marvel, "Pantera Negra: Wakanda para sempre" é um dos filmes mais esperados do ano. No filme, a Rainha Ramonda (Angela Bassett), Shuri (Letitia Wright), M’Baku (Winston Duke), Okoye (Danai Gurira) e as guardas Dora Milaje (incluindo Florence Kasumba) lutam para proteger sua nação de potências mundiais intervencionistas após a morte do Rei T’Challa. Enquanto os wakandanos se esforçam para conseguir chegar a um próximo capítulo, os heróis têm que se unir com a ajuda de War Dog Nakia (Lupita Nyong’o) e Everett Ross (Martin Freeman), para forjar um novo caminho para o reino de Wakanda.