Trio do Flamengo supera o do Liverpool em número de gols, e até Alisson já foi vítima

Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol ou Mohammed Salah, Sadio Mané e Roberto Firmino? Independentemente da sua preferência, ambos os trios são conhecidos pela arte de fazer gols. E quando Flamengo e Liverpool se enfrentarem no sábado, na final do Mundial de Clubes, os rubro-negros terão a seu favor o fato do seu tridente ter mais gols marcados em 2019 que o inglês.

— A grande qualidade é de todo elenco. Para fazermos os gols, a bola tem que chegar. Todo mundo fez um grande ano, grande trabalho e é mais um joguinho que vai ser muito difícil — projetou Arrascaeta.

Ao todo, Gabigol, Bruno Henrique e Arrascaeta balançaram as redes adversárias 96 vezes apenas em 2019, uma média de 1,57 gol por jogo. Do outro lado, Salah, Mané e Firmino marcaram em 66 oportunidades neste ano, média de 1,34 gol por partida.

Individualmente, o tridente rubro-negro também leva vantagem contra o inglês. Principal artilheiro do Flamengo no ano, Gabigol tem 43 gols marcados, superando os 30 anotados por Sadio Mané, o líder em tentos do Liverpool.

Seguindo a tabela, Bruno Henrique deixou a sua marca 35 vezes, enquanto Salah marcou 24. Por fim, Arrascaeta fez 18, enquanto Firmino tem apenas 12. Importante citar que o Flamengo disputou cinco competições oficiais neste ano (Carioca, Brasileiro, Libertadores, Copa do Brasil e Mundial), enquanto o Liverpool teve seis (Premier League, Champions League, Mundial, Copa da Liga Inglesa, Supercopa da Inglaterra e Supercopa da Europa).

Outro bom sinal para os atacantes do Flamengo é saber que eles já venceram Alisson, do Liverpool, em duelos anteriores. Gabigol é quem deixou a sua marca mais vezes: em 2014, na derrota do Santos por 2 a 1 para o Internacional, na Vila Belmiro; e em 2015, no triunfo por 3 a 1 contra o mesmo adversário e no mesmo local.

Já Bruno Henrique levou a melhor no Brasileirão de 2015, quando ainda defendia o Goiás. Na ocasião, vitória esmeraldina por 2 a 1 contra o Internacional na única vez que o atacante e o goleiro se enfrentaram.