Troca de farpas por 'escândalo do sofá'

A Turquia considerou 'injustas' nesta quinta-feira as acusações contra o país por uma falha no protocolo durante uma visita a Ancara da presidente da Comissão Europeia, que ficou sem assento. Um ministro afirmou que foi Bruxelas que sugeriu a posição das poltronas.