Tromba d'água mata nove pessoas em piscina natural de parque no Arizona

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Pelo menos nove pessoas morreram e um adolescente desapareceu após uma tromba d'água atingir neste domingo (16) um grupo de veranistas que tomava banho em uma piscina natural no Parque Florestal Tonto, no Arizona.

Segundo a polícia do condado de Gila, o grupo tomava banho em uma piscina natural formada pelas águas quando passou a enxurrada de lama, pedras e troncos de árvore provocada por uma tempestade no alto da montanha.

Os veranistas foram localizados por uma equipe de resgate que atendia a praticante de trekking. Dentre os mortos, estão cinco crianças e quatro adultos. Outras quatro pessoas foram levadas para o hospital com hipotermia.

Os policiais afirmam que as águas das piscinas naturais subiram por dez minutos antes de começarem a refluir. O Serviço Nacional de Meteorologia afirmou que, no alto da montanha, choveu 38 milímetros em uma hora.

Nas piscinas naturais, porém, não chovia no momento. As equipes de resgate e testemunhas dizem que a enxurrada veio tão rápido que os banhistas que morreram não teriam tempo de reagir.

Não é a primeira vez que houve mortes em trombas d'água em piscinas naturais e poços formados entre as pedras em parques nos EUA. Em 2015 sete banhistas morreram ao serem atingidos por uma enxurrada em Utah.