Trump vai suspender restrições de viagens do Brasil, diz agência

Redação Notícias
·1 minuto de leitura
A passenger, wearing a protective face mask, walks at Guarulhos International Airport amid fears of coronavirus disease (COVID-19) in Guarulhos, Sao Paulo state, BraziI, April 1, 2020. REUTERS/Roosevelt Cassio
A passenger, wearing a protective face mask, walks at Guarulhos International Airport amid fears of coronavirus disease (COVID-19) in Guarulhos, Sao Paulo state, BraziI, April 1, 2020. REUTERS/Roosevelt Cassio

O presidente dos EUA, Donald Trump, vai suspender restrições de entrada ao país que se aplicavam majoritariamente a cidadãos não norte-americanos que tenham estado recentemente no Brasil e na maior parte da Europa, a partir de 26 de janeiro. A informação é da Agência Reuters.

Desde novembro, o governo de Trump avaliava suspender as restrições impostas no começo de 2020 em resposta à pandemia de Covid-19, após receber o apoio de membros da força-tarefa contra o coronavírus e autoridades de saúde pública.

Leia também

As restrições devem acabar no mesmo dia em que as novas exigências de testes para Covid-19 entram em vigor para todos os visitantes internacionais. Para entrar nos EUA, o viajante terá que fornecer a documentação de um teste negativo ou laudo que comprove recuperação da doença.

Em maio de 2020, o governo americano publicou uma portaria proibindo que pessoas que tivessem estado no Brasil nos 14 dias anteriores pudessem entrar nos EUA. A restrição não era aplicada apenas a casos especiais, como pessoas que residam nos EUA ou que sejam casadas com um cidadão americano.