Tumulto em evento religioso deixa dezenas de mortos em Israel

Aos menos 44 pessoas morreram em um tumulto durante um evento religioso no nordeste de Israel. O número foi confirmado pelo Ministério da Saúde, segundo o jornal The Times of Israel. O incidente ocorreu no Festival Lag B'Omer, que acontece anualmente no sopé do Monte Meron. Dezenas de milhares de judeus ortodoxos participaram do festival, no maior evento em Israel desde o início da pandemia do coronavírus. O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu classificou o ocorrido como um "forte desastre" e disse estar orando pelas vítimas. Pelo menos 103 pessoas ficaram feridas, disseram as autoridades - 38 estavam em estado crítico. Relatos iniciais indicaram que uma estrutura do evento desabou, mas funcionários do Magen David Adom (MDA, o serviço nacional de emergência) disseram posteriormente que a tragédia começou com um tumulto. Fontes policiais disseram ao Haaretz que alguns participantes escorregaram em degraus, causando a queda de dezenas de outros.