Tumulto em peregrinação judaica termina com 45 mortos em Israel

As autoridades permitiram a presença de 10.000 pessoas no complexo da tumba