Ataque contra comboio no Chade deixa pelo menos 12 mortos

Nairóbi, 12 abr (EFE).- Pelo menos 12 pessoas morreram nesta quarta-feira no Chade em um ataque perpetrado por homens armados contra um comboio que transportava prisioneiros em N'Djamena, informou a imprensa local.

Entre as vítimas há dois soldados da Guarda Militar Nômade (GNNT) que tentaram defender os detentos, segundo o portal de notícias "Al Wihda".

O comboio, que transportava dez prisioneiros de uma penitenciária a outra, foi objeto de uma emboscada efetuada por homens fortemente armados que se deslocavam em três veículos, a poucos quilômetros da zona de Massaguet, de acordo com uma fonte próxima ao Ministério da Justiça.

Por enquanto, as autoridades não se pronunciaram a respeito, enquanto são desconhecidas a autoria e as razões do ataque.

Os corpos foram levados ao necrotério em N'Djamena, onde as famílias farão o reconhecimento das vítimas. EFE