Turista sueca é mantida em cárcere privado no RJ; homem é preso

Turista da Suécia conheceu brasileiro no Rio (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Turista da Suécia conheceu brasileiro no Rio (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
  • Turista sueca conheceu homem há vinte dias;

  • Ela foi morar com ele no morro da Babilônia, no Leme;

  • Ele tem quatro passagens pela polícia por violência contra mulheres.

Um homem foi preso em flagrante na segunda-feira (21) acusado de manter em cárcere privado uma turista sueca.

A mulher ficou ao menos quatro dias na casa do homem, localizada no morro da Babilônia, no Leme, zona sul do Rio de Janeiro.

Segundo as investigações, Penelope Brunnström conheceu Rafael Lemos de Souza na Pedra do Sal, no centro do Rio, há 20 dias e há 10, foi morar com ele na comunidade, informou o portal r7.

Porém, o rapaz começou a ficar agressivo e não deixou a vítima sair da casa.

No último sábado (19), a sueca conseguiu mandar mensagem para uma amiga, que chamou a polícia.

O brasileiro ficou sabendo que os policiais iriam até a sua residência, e deixou a mulher no local.

Ele tem quatro passagens pela polícia por violência contra mulheres.

Encontrado em uma das ruas da comunidade, o homem irá responder por crime contra a liberdade pessoal.