Turistas no litoral de SP são “recepcionados” com fantasia de morte e pneus queimados

Colaboradores Yahoo Notícias
·2 minuto de leitura
Moradores de cidades do litoral de São Paulo protestam contra a chegada de turistas durante recesso
Moradores de cidades do litoral de São Paulo protestam contra a chegada de turistas durante recesso

Moradores do litoral de São Paulo reagiram com ironia e violência à chegada de turistas no pico da pandemia de coronavírus. Nas cidades do litoral norte, houve “boas-vindas” de uma pessoa fantasiada de Morte e uma barricada de pneus queimados para impedir o acesso de viajantes.

O bloqueio ocorreu após o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), antecipar feriados para tentar deixar as pessoas em casa durante a fase mais restrita do Plano São Paulo, do governo estadual. Mesmo com barreiras, os paulistanos interpretaram o recesso como um “feriado prolongado” e foram para a praia.

A Prefeitura de São Sebastião montou uma barreira sanitária na divisa com Bertioga, obrigando os veículos com placas de outros municípios a pararem para realizar um teste de Covid-19 em seus ocupantes. No meio do congestionamento, um homem vestido de morte e segurando uma cruz negra recepcionou veículos que transitavam pela rodovia Rio-Santos, na tarde da última sexta-feira (26).

De acordo com o portal Costa Norte, a “Morte” andou pelo acostamento e acenou com sua cruz para os ocupantes dos veículos. Muitos, assustados, viravam o rosto evitando a cena. O primeiro dia de barreira sanitária em São Sebastião registrou 18 testes positivos para Covid-19 no primeiro dia de bloqueio sanitário. A ação começou na segunda e durará até a próxima sexta.

Moradores de Ubatuba bloquearam com pneus queimados a rodovia Oswaldo Cruz, umas das principais vias de acesso à cidade para quem sai da capital paulista, na noite de sexta. A ação, informou a Polícia Rodoviária ao portal UOL, ocorreu no quilômetro 93.

O bloqueio durou aproximadamente duas horas, terminando na madrugada de hoje. Segundo a polícia local, cerca de 250 pessoas, entre adultos e crianças, participaram da ação. Ninguém foi detido.

De acordo com a polícia, apesar dos pneus queimados na via, os motoristas conseguiram desviar e continuar o trajeto normalmente. Um pequeno congestionamento se formou, mas, ainda segundo a polícia, o movimento ficou abaixo do normal para uma sexta.