Autoridades encontram 47 crânios em novo cemitério clandestino no México

Veracruz (México), 19 mar (EFE).- Pelo menos 47 crânios e outros restos humanos foram achados em um novo cemitério ilegal no estado de Veracruz, no México, informou neste domingo o procurador estadual, Jorge Winckler.

Winckler disse em entrevista coletiva que o cemitério clandestino foi localizado na comunidade de Arbolillo, no município de Alvarado, no litoral do Golfo do México.

Alvarado se encontra a 20 quilômetros de Puerto de Veracruz, onde em setembro de 2016 foi descoberta uma fossa da qual já foram extraídos 250 crânios.

De acordo com números oficiais, de 2011 a 2016 foram descobertas nesse estado do oriente do México 258 fossas clandestinas com pelo menos 463 corpos.

Durante a gestão em Veracruz do governador Javier Duarte (2010-2016), que se encontra foragido da Justiça, foram denunciados os desaparecimentos de 5.785 pessoas, das quais 2.340 seguem sem ser localizadas.

No novo cemitério ilegal de Alvarado as autoridades encontraram oito fossas em uma superfície de 120 metros quadrados, onde peritos iniciaram escavações e a exumação dos restos.

Winckler acrescentou que, dos 47 crânios exumados, foram identificadas a cinco pessoas que tinham sido dadas como desaparecidas no ano passado em Puerto de Veracruz.

O procurador detalhou que os demais corpos estão sendo submetidos a estudos periciais para determinar suas identidades, que serão postas à disposição dos coletivos de familiares de desaparecidos para sua confirmação. EFE para sua confirmação. EFE