Twitter permite falar mais nos seus 140 caracteres

Logo do Twitter

Os 140 caracteres de um tuíte podem se transformar em uma fonte de inspiração ou em uma restrição insuperável. Para tentar atrair a clientela, o Twitter anunciou nesta quinta-feira que os nomes dos usuários não serão mais mostrados nas respostas.

A rede social mantém assim sua regra de 140 caracteres mas com uma maior flexibilidade e, portanto, apostando na conquista de novos usuários.

Os investidores reprovam frequentemente a empresa por não se esforçar o suficiente para atrair novos usuários e se valorizar na Bolsa.

"Nosso trabalho não terminou", prometeu Sasank Reddy, diretor de produto do Twitter. "Vamos continuar examinando a forma de melhorar as conversar e de tornar o Twitter mais fácil de usar", disse.