Ucrânia planeja rebatizar ruas associadas à Rússia

Por Max Hunder

(Reuters) - Várias cidades ucranianas planejam renomear ruas e praças associadas à Rússia, em um processo de “desrussificação” após a invasão russa.

Um dia após derrubar um monumento da era soviética em Kiev que simbolizava a amizade entre Rússia e Ucrânia, a Câmara municipal disse nesta quarta-feira que havia compilado uma lista com 467 locais em consideração para serem rebatizados.

Eles incluem uma praça central nomeada em homenagem ao escritor Leo Tolstoy e uma rua chamada Lago Baical. A rua Minsk, capital de Belarus, aliada próxima da Rússia, também está na lista.

Desde que a Ucrânia declarou independência da União Soviética, em 1991, o nome de algumas cidades foram mudados para apagar o legado de autoridades soviéticas odiadas. Agora, as autoridades querem remover nomes de autores e poetas russos, entre outros.

O ministro da Cultura, Oleksandr Tkachenko, alertou semana passada contra a remoção geral de tudo que for afiliado à Rússia.

Citando o romancista russo nascido na Ucrânia, Nikolai Gogol, como exemplo, ele disse que alguns “personagens… pertencem ao estoque global de herança (cultural)”.

(Reportagem de Max Hunder)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos