UE fica insatisfeita com explicações da AstraZeneca sobre atrasos nas vacinas

·1 minuto de leitura

BRUXELAS (Reuters) - A segunda rodada de discussões da Comissão Europeia nesta segunda-feira com a empresa farmacêutica AstraZeneca sobre atrasos nas entregas de vacinas terminou em "insatisfação com a falta de clareza e explicações insuficientes", disse a Comissão.

"As discussões com a AstraZeneca hoje resultaram em insatisfação com a falta de clareza e explicações insuficientes. Os Estados-membros da UE estão unidos: os desenvolvedores de vacinas têm responsabilidades sociais e contratuais que precisam cumprir", disse a comissária de saúde do bloco, Stella Kyriakides, no Twitter.

"Com nossos Estados-membros, solicitamos à AstraZeneca um planejamento detalhado das entregas de vacinas e quando a distribuição ocorrerá aos Estados-Membros. Outra reunião será convocada na quarta-feira para discutir mais o assunto", citou.

(Reportagem de Jan Strupczewski)