UE 'toma medidas' após atrasos em entrega de vacinas AstraZeneca

Primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, recebe vacina da AstraZeneca/Oxford