Um combo de quatro fotos de multidões em 7 de setembro de 2021 circula vinculado a 2022

Quatro imagens de multidões em Brasília, no Rio de Janeiro e em São Paulo não mostram as celebrações do Dia da Independência de 2022. No entanto, publicações compartilhadas mais de 130 mil vezes desde o último dia 7 de setembro erram ao associá-las aos 200 anos de Independência do Brasil, que foi celebrado neste ano. A mesma sequência de fotos circula desde 2021.

“OS INSTITUTOS DE PESQUISA VÃO REBOLAR AGORA PARA SE ADEQUAREM AS PESQUISAS! A Nação Brasileira comemora 200 anos de Independência”, dizem as publicações compartilhadas no Facebook. A mesmas imagens também circulam no Instagram e Twitter.

Captura de tela feita em 9 de setembro de 2022 de uma publicação no Facebook ( . / )

Os 200 anos da Independência do Brasil foram celebrados em 7 de setembro de 2022. Nessa data, o presidente Jair Bolsonaro (PL) discursou para centenas de milhares de apoiadores em Brasília e no Rio de Janeiro, no bairro de Copacabana.

As imagens compartilhadas, contudo, não correspondem a essa data.

Uma busca reversa no Google identificou exatamente a mesma sequência de fotos em diversas publicações feitas nas redes sociais em 7 de setembro de 2021 (1, 2, 3).

A deputada federal Bia Kicis (PL-DF) foi uma das que compartilhou a galeria com as quatro fotografias no ano passado:

Origem das fotos

A primeira imagem da galeria, no canto superior esquerdo, mostra uma multidão na Avenida Paulista, em São Paulo. Uma busca reversa por essa imagem identificou que ela é creditada a Felipe Rau, do Estadão (1).

O fotógrafo também compartilhou a imagem em seu Instagram em 2021:

A imagem no canto superior direito, que mostra a praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, não foi identificada em nenhum veículo de imprensa nas buscas feitas pela AFP. Entretanto, ela foi localizada isoladamente em outras postagens datadas de 7 de setembro de 2021 (1, 2).

A AFP tampouco conseguiu localizar a origem das imagens inferiores da galeria, que mostram multidões em Brasília.

Uma delas, a do canto inferior esquerdo, foi compartilhada em um artigo e em uma publicação no Twitter, ambos datados de 7 de setembro de 2021.

Uma comparação com fotos registradas pela AFP na mesma data em Brasília permite identificar elementos comuns entre as duas imagens inferiores e as celebrações daquele momento:

Comparação feita em 9 de setembro de 2022 entre uma publicação no Facebook (E) e uma foto da AFP registrada em 7 de setembro de 2021 em Brasília ( . / )

Este conteúdo também foi verificado pelo Aos Fatos.