Um dos maiores bancos do mundo diz que bitcoin pode chegar a US$ 100 mil

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Bitcoin em alta. (Foto: Getty Images)
Bitcoin em alta. (Foto: Getty Images)

Depois das recentes altas do bitcoin, que fizeram o valor da criptomoeda disparar, quebrando recordes ao chegar em US$ 34 mil, alguns dos maiores analistas econômicos do mundo estão se perguntando: até quanto esse valor pode chegar no futuro próximo?

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Segundo o JP Morgan, um dos maiores e mais tradicionais bancos de investimentos do planeta, o valor atual, pouco acima dos R$ 30 mil, pode mais que triplicar, chegando na casa dos US$ 100 mil.

Leia também:

A previsão foi emitida em uma nota oficial do banco a investidores. Mas nesse mesmo comunicado, o JP Morgan avisa que um crescimento dessa magnitude seria “insustentável”.

“Apesar de nós não podermos excluir a possibilidade de que a atual mania especulativa siga adiante, levando o preço do bitcoin a uma região de consenso entre US$ 50 mil e US$ 100 mil, nós acreditamos que esses níveis de preço se provariam insustentáveis.”

Para se ter uma ideia, uma faixa de preço na casa dos US$ 100 mil aproximaria o bitcoin do valor das reservas de investimento privado em ouro.

Ainda assim, estaria abaixo. Para se equiparar ao volume total de investimentos em ouro, o bitcoin teria que ser avaliado em cerca de U$ 146 mil.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube