Um homem morre e outro fica ferido após acidente durante salto de paraquedas em Resende

·1 min de leitura

Uma pessoa morreu e outra ficou ferida após um acidente enquanto saltavam de paraquedas, neste sábado, no Aeroclube de Resende, na cidade homônima, no sudoeste do estado do Rio. Segundo o estabelecimento, os dois homens eram militares e paraquedistas. Um deles passou por cirurgia e se encontra bem, mas o outro, mesmo conduzido para um hospital, não resistiu.

O Corpo de Bombeiros relatou que o Quartel de Resende foi acionado no sábado, às 13h20, para a ocorrência na Estrada do Aeroporto, sem número. A corporação foi responsável pelo atendimento de um militar do Batalhão de Dobragem Pára-Quedas e Suprimento pelo Ar (B Dompsa). Com classificação "vermelha" de ferimentos, que corresponde a estado grave, o militar foi levado para o Hospital Municipal de Emergência Henrique Sérgio Gregory. A outra vítima, um comandante da Companhia de Paraquedistas do Exército, teria sido socorrido pelo SAMU, mas não há informações de para onde foi levado.

Segundo o Aeroclube de Resende, não teria ocorrido falha nas aberturas dos equipamentos dos militares, mas devido a um erro na condução, os paraquedas teriam se enrolado, atrapalhando os pousos. O estabelecimento ressaltou que as vítimas são paraquedistas militares, que estavam praticando o salto no fim de semana. E afirmou que tem implementadas políticas de segurança para conduzir os atletas que frequentam o local de forma a evitar acidentes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos