Uma das caixas-pretas de avião russo está danificada, diz Egito

CAIRO (Reuters) - Investigadores recuperaram e validaram o conteúdo do gravador de dados do avião de uma empresa russa que caiu no Egito, matando as 224 pessoas a bordo, disse o Ministério da Aviação Civil do Egito nesta quarta-feira. O ministério informou em comunicado, no entanto, que a segunda caixa-preta, que contém a gravação das conversas na cabine (CVR, na sigla em inglês), está parcialmente danificada e será necessário muito trabalho para extrair informações dela, disse o ministério. "Em consequência, nenhum comentário futuro sobre o CVR pode ser feito", disse o ministério. (Reportagem de Lin Noueihed)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos