Uma hora antes de invasão, secretário tranquilizou governador do DF sobre atos: 'Uma manifestação bem pacífica'

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), foi tranquilizado pelo secretário de Segurança Pública em exercício, Fernando de Sousa Oliveira, sobre os atos que ocorriam em Brasília. Em mensagem de voz encaminhada ao governador cerca de uma hora antes da invasão ao Congresso, Palácio do Planalto e Supremo Tribunal Federal (STF), o secretário disse que estava "tudo tranquilo" e que os manifestantes que desciam do Setor Militar Urbano (SMU) estavam "controlados e escoltados pela polícia." O áudio foi revelado pelo site Metrópoles e confirmado pelo O GLOBO.

Na mensagem enviada às 13h32, o secretário emm exercício relatou ao governador que houve uma negociação para os manifestantes seguirem para a Esplanada dos Minstérios de "forma pacífica, organizada, acompanhada". A invasão ao Congresso começou às 14h40.

— Está um clima bem tranquilo, bem ameno, uma movimentação bem suave, está uma manifestação bem pacífica — disse o secretário.

No áudio, o secretário disse que a inteligência de Secretaria de Segurança estava monitorando e que não havia "nenhum informe de questão de agressividade, ligado a esse tipo de comportamento".

— Tem aproximadamente 150 ônibus já no DF, mas todo mundo de forma ordeira e pacífica. Final do dia, final da tarde, eu passo outro informe para o senhor — disse o secretário.