Universidade Veiga de Almeida passa a oferecer Veterinária

O Globo
·1 minuto de leitura
Divulgação/Veiga de Alemeida

RIO — A Universidade Veiga de Almeida está lançando seu curso de Medicina Veterinária, com duração de cinco anos. O conteúdo programático segue o conceito One Health, termo institucionalizado pela Organização para a Alimentação e a Agricultura (FAO), pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Organização Internacional de Epizootias (OIE), que enfatiza a interdependência entre a saúde humana, o bem-estar animal e a estabilidade ambiental e, consequentemente, a necessidade de manter o equilíbrio dos três pilares.

— O mercado de trabalho do veterinário é muito amplo, e sua atuação pode se dar desde a fase de criação do animal até a chegada da comida a nossas casas. Nossa profissão está no agronegócio, no estabelecimento das normas dos produtos de origem animal, na fiscalização sanitária, na perícia de animais, em seguros, em competições, no mercado pet, na área de animais silvestres, em pesquisas, nas indústrias — lista Claudia Savedra, coordenadora do curso.

Ela diz que o curso da Veiga foi pensado para formar um profissional generalista, com capacidade de atuar em diferentes setores.

— O profissional estará pronto para atuar em setores que são primordiais para a vida animal e a humana. O curso vai ajudar a movimentar o mercado veterinário, formando multiprofissionais — afirma.

As inscrições ainda estão abertas, e as aulas começarão na primeira quinzena de março, a princípio no formato on-line.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)