Universidades vão estudar impacto da tecnologia na democracia

A Knight Foundation disse que vai oferecer US$ 50 milhões em financiamento de pesquisa "para entender melhor como a tecnologia está transformando nossa democracia e como recebemos e interagimos com a informação"

Novos programas de pesquisa em universidades americanas se concentrarão no impacto da tecnologia na democracia, anunciou a Fundação John S. e James L. Knight nesta segunda-feira (22).

A Knight Foundation disse que vai oferecer US$ 50 milhões em financiamento de pesquisas "para entender melhor como a tecnologia está transformando nossa democracia e como recebemos e interagimos com a informação".

A iniciativa surgiu em resposta à diminuição da confiança nos meios de comunicação e campanhas em redes sociais financiadas por serviços de inteligência.

A Internet promoveu movimentos pró-democracia em casos como a Primavera Árabe. Contudo, em outras ocasiões, como as eleições de 2016 nos EUA e a campanha do Brexit, foi uma plataforma para manipulação.

Nos últimos meses, alguns estudos mostraram que os americanos estão perdendo a confiança nas plataformas de verificação de dados.

A nova iniciativa é parte de um compromisso que a Fundação Knight anunciou em fevereiro para fortalecer o jornalismo e a democracia. Outras fundações se juntaram à causa.