Vários feridos em Jerusalém Oriental depois que um carro atropelou pedestres

·1 minuto de leitura
Um policial da fronteira israelense no local do ataque com carro que feriu várias pessoas, incluindo quatro policiais, no bairro de Shaykh Jarrah de Jerusalém oriental anexada por Israel, em 16 de maio de 2021

Um ataque com um carro contra membros das forças de segurança israelenses na tarde deste domingo(16) em Jerusalém Oriental deixou vários feridos, informaram a polícia e os serviços de socorro.

“Quatro policiais ficaram feridos em um ataque no qual foram atropelados por um carro” no bairro de Shaykh Jarrah, no leste de Jerusalém, disse a polícia israelense, enquanto os socorristas relataram sete feridos no total.

A polícia israelense disse ter "neutralizado" o agressor, sem especificar sua identidade ou indicar se o indivíduo estava morto ou ferido.

A polícia mobilizou um bom número de agentes no bairro da Cidade Santa, que tem sido palco de manifestações e confrontos entre as forças de segurança e palestinos que se opõem à possível expulsão de várias famílias da região.

No início deste ano, o tribunal distrital de Jerusalém emitiu uma decisão a favor das famílias judias que reivindicam direitos de propriedade neste bairro de Jerusalém Oriental, o setor palestino da cidade ocupado e anexado por Israel.

Segundo a lei israelense, se um judeu puder provar que sua família vivia em Jerusalém Oriental antes da guerra árabe-israelense de 1948, ele pode solicitar que seus "direitos de propriedade" sejam devolvidos a ele. No entanto, não existe tal lei para palestinos que perderam suas propriedades durante a guerra.

A decisão do tribunal gerou grande indignação entre os palestinos, muitos dos quais realizaram manifestações desde então, muitas vezes marcadas pela violência com as forças de segurança ou com famílias de assentados da vizinhança.

Além disso, barões da extrema direita israelense, como o parlamentar Itamar Ben Gvir, fervoroso defensor da colonização de Jerusalém Oriental, também visitaram o xeque Jarrah em várias ocasiões, o que os palestinos perceberam como um gesto provocativo.

bur-gl/hj/mb/age-jvb/eg/jc

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos