Vídeo de 2022 mostra torcedores presos em elevador e não tem relação com ato em Brasília

Um vídeo de pessoas saindo de um elevador não tem qualquer relação com supostos “infiltrados” nos atos de vandalismo em Brasília de 8 de janeiro de 2023. Publicações alegando que o conteúdo mostraria petistas saindo escondidos por um túnel do Congresso Nacional foram compartilhadas mais de 1,3 mil vezes desde, pelo menos, 9 de janeiro. Mas a filmagem foi publicada originalmente em 15 de maio de 2022 por um jornalista esportivo, que confirmou ao AFP Checamos que a gravação mostra torcedores saindo de um elevador no qual estavam presos no estádio do time Ceará Sporting Club.

“Petistas infiltrados saindo pelo túnel do congresso…”, diz um dos conteúdos publicados no Twitter. A alegação circula também no Facebook, no TikTok e no YouTube.

Captura de tela feita em 11 de janeiro de 2023 de uma publicação no Twitter ( .)

As publicações circulam após apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) atacarem os edifícios dos Três Poderes, em Brasília, no último dia 8 de janeiro, por não aceitarem a vitória do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições de 2022. Desde então, circulam nas redes sociais narrativas a respeito de supostos infiltrados nos atos de vandalismo.

O vídeo mostra pessoas saindo do que aparenta ser um elevador por uma passagem estreita. Ao fundo, uma voz masculina diz: “Vambora, vambora, vambora, deu certo, deu certo, deu certo, vambora. Depois de um tempão aqui, deu certo. O pessoal trabalhou bem, vambora”.

Na gravação é possível ver a logomarca do aplicativo Kwai e o nome de usuário “@Paparazzo RubroNegro”.

O perfil citado pertence ao jornalista esportivo Gabriel Reis, conhecido como Paparazzo Rubro Negro, que publica conteúdos relacionados ao time carioca Flamengo.

O vídeo agora atrelado à alegação falsa foi publicado originalmente por Reis no Kwai em 15 de maio de 2022 com a seguinte legenda: “Ex-craques do Mengão na maior resenha com o Paparazzo no pré-jogo”.

Em 14 de maio de 2022, um dia antes da publicação do registro original, o Flamengo enfrentou o time Ceará Sporting Club na sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

No início do conteúdo viral, inclusive, é possível ver uma mulher com a camisa do clube cearense:

Captura de tela feita em 11 de janeiro de 2023 de uma publicação no Twitter com destaque para camiseta do Ceará Sporting Club ( .)

Procurado pelo AFP Checamos, Reis repudiou o uso do conteúdo de seu canal para o que classificou como “uma tremenda fake news”.

“Esse vídeo é antigo. Quando ficamos presos no elevador do estádio do Ceará. Que absurdo!”, disse, por e-mail, enviado em 11 de janeiro de 2023, reforçando que a gravação “era sobre jogo de futebol”.

Após o contato do AFP Checamos, o jornalista publicou outro vídeo em seu perfil no Kwai repudiando o ocorrido.

“Gente, é um absurdo, um absurdo o que estão fazendo comigo. Isso é uma vergonha. Pegaram um vídeo meu, de maio de 2022, que eu estava preso no elevador lá no Ceará, no jogo do Flamengo. Eu cubro o Flamengo. E eu estava com os torcedores do Ceará preso no elevador tá, olha que loucura. Aí conseguiram liberar a gente, ficamos presos um tempão e eles conseguiram liberar a gente, o elevador estava parado no meio ali, a gente conseguiu sair e eu registrei esse momento”, explica o jornalista.

“Cara, aqui no Kwai eu posto coisas sobre futebol. Pegaram esse meu vídeo e estão viralizando (...) as pessoas chegam e comentam e nem leem que o vídeo é da data de maio 2022, não veem que não tem nada a ver com política e aí criaram essa fake news dizendo que o meu vídeo tem relação com manifestação recente. Não tem nada a ver”, acrescentou.

O AFP Checamos já verificou diversos outros conteúdos sobre os atos ocorridos na capital federal em 8 de janeiro de 2023 (1, 2, 3).