Vídeo com simulação de ato sexual foi gravado no Canadá e não em escola brasileira

Um vídeo em que uma pessoa usa uma fantasia dos órgãos sexuais masculino e feminino para simular um ato sexual foi visualizado milhares de vezes nas redes sociais em publicações que alegam mostrar uma apresentação cultural em uma escola no Brasil. No entanto, as publicações, que circulam desde 9 de julho de 2022, são falsas. O vídeo foi gravado em Toronto, no Canadá, durante uma apresentação de fantasias sexuais bizarras no “Living Out Loud Ball”, um dos eventos que fez parte da Parada do Orgulho Gay da cidade, em 25 de junho de 2022.

“*Apresentação ‘CULTURAL’ no pátio de uma escola, com a presença de professores, diretores, alunos crianças e adolescentes de diversas faixas etárias - PROMOVIDO PELO PSOL”, diz uma das publicações que circula no Facebook (1, 2), Twitter (1, 2) e Kwai (1, 2).

Nos comentários, usuários demonstram acreditar que o evento teria relação com a política brasileira: “Arte contemporânea da petralhada desvairada!!!!! Isto é o que eles classificam de cultura!!!”.

Captura de tela feita em 18 de julho de 2022 de uma publicação no Facebook ( . / )

A gravação viralizada não tem, contudo, relação com o Brasil.

Uma busca reversa por fragmentos do vídeo levou a um tuíte em inglês, feito no último dia 29 de junho, com a mensagem: “Como as pessoas ainda podem dizer que o ‘pride’ é um evento familiar apropriado para crianças”. A palavra “pride”, que significa “orgulho” em inglês, é comumente utilizada para nomear eventos relacionados à comunidade LGBTQIA+ em vários países do mundo.

Para ilustrar a publicação, o usuário incluiu uma gravação de tela na qual é possível ver que o vídeo viralizado havia sido publicado no Facebook por um usuário de nome Arturo Lyons.

Uma consulta a esse perfil em 20 de julho de 2022 não localizou o vídeo viralizado. No entanto, em 24 de junho de 2022, Arturo publicou em sua página na plataforma que estava em um hotel em Toronto, cidade canadense que sediou o Pride Toronto no mesmo mês.

Com base nessas informações, a equipe de checagem da AFP fez buscas por palavras-chave que demonstraram que o vídeo foi gravado durante o evento do Orgulho Gay em Toronto.

A mesma gravação foi transmitida ao vivo no YouTube pelo canal Climaxxx Tv em 25 de junho de 2022 com a descrição, em tradução livre para o português: “Father Twysted Miyake-Mugler apresenta o baile do TORONTO PRIDE”.

A partir de 1:38:00, começa o trecho do vídeo utilizado nas publicações. Nele, o locutor do evento explica que se trata de um concurso de fantasias sexuais bizarras e que as crianças devem ser retiradas da praça pelo cunho sexual das roupas.

De fato, uma consulta ao site da Pride Toronto confirmou que o desfile foi realizado como parte do evento canadense.

Procurada pelo Checamos, a assessoria de imprensa do PSOL - partido citado como organizador do evento por algumas das publicações - não retornou até a publicação deste texto.

Conteúdo semelhante foi verificado pela Agência Lupa, Aos Fatos, Fato ou FakeUol Confere.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos