Vacina da Pfizer tem novo protocolo e pode ser mantida por até 31 dias em refrigeradores comuns no Rio

·2 minuto de leitura

A capital fluminense iniciou nesta segunda-feira, dia 31, uma mudança de protocolo no armazenamento das vacinas da Pfizer, após decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Agora, as doses do imunizante poderão permanecer "descongeladas" — isto é, em refrigeradores comuns, à temperatura de 2 graus a 8 graus — por 31 dias. Antes, o limite era de cinco dias. A decisão da Anvisa, que segue exemplos de outras agências sanitárias internacionais, foi divulgada na última sexta-feira, dia 28.

— Para o Rio, há pouca alteração. As remessas da vacina da Pfizer na cidade do Rio são totalmente consumidas em 48, 72 horas. É um número ainda muito pequeno de vacinas que a gente recebe. O novo protocolo facilita muito a vida, porque permite que a vacina seja armazenada em refrigeradores convencionais. Mas o Rio já tinha freezers especiais para manter a vacina a -20 graus. Nas capitais, a mudança não vai ter muito impacto — afirma o secretário municipal de Saúde do Rio, Daniel Soranz.

Segundo ele, todos os 280 postos de vacinação do município já recebiam a vacina da Pfizer de maneira uniforme. O secretário ressalta ainda que todos os imunizantes disponíveis no Brasil foram testados e são seguros e eficazes, e, portanto, não se pode escolher qual vacina tomar.

— Há pessoas que deixam o posto para se vacinar com uma ou outra vacina. A probabilidade de você conseguir escolher a sua vacina é muito baixa, porque as vacinas chegam em dias específicos para públicos específicos.

Atualmente, a vacina da Pfizer é destinada preferencialmente à aplicação em grávidas e puérperas, que nesta etapa do Plano Nacional de Imunização são atendidas caso tenham comorbidade e idade de 18 anos ou mais. A repescagem para este grupo na capital será nesta terça (1º), das 13h às 17h, e quarta-feira (2), das 8h às 17h. É necessário apresentar laudo médico e termo de esclarecimento assinado, disponível em coronavirus.rio/vacina. Esse público não segue o calendário de idade, iniciado hoje.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos