Vacinação em SP: Capital antecipa imunização de pessoas de 58 e 59 anos para segunda-feira (14)

·2 minuto de leitura
SAO PAULO, BRAZIL - MAY 21: A health worker displays the empty syringe after administering a dose of the AstraZeneca COVID-19 vaccine to a driver at a drive-through vaccination post on May 21, 2021 in Sao Paulo, Brazil. Around 20 percent of Brazilians have received their first vaccination dose. Health experts are warning that Brazil should brace for a new surge of COVID-19 amid a slow vaccine rollout and relaxed restrictions. The state of Sao Paulo has registered over 3 million cases of COVID-19 and more than 100,000 deaths. Over 440,000 people have been killed in Brazil by COVID-19, second only to the U.S. (Photo by Mario Tama/Getty Images)
Capital começou a vacinar nesta quinta-feira (10) pessoas com deficiência permanente com mais de 18 anos (Foto: Mario Tama/Getty Images)
  • Na segunda-feira (14), a cidade de São Paulo começará a vacinar pessoas de 58 e 59 anos

  • No estado, imunização de pessoas de 55 a 59 anos começa na quarta-feira (16)

  • Nesta quinta (10), pessoas com deficiência permanente começaram a ser vacinadas em todo o estado

A partir da próxima segunda-feira (14), moradores da capital paulista que têm de 58 e 59 anos poderão se vacinar contra a covid-19. O estado de São Paulo começará o processo de imunização de pessoas entre 55 e 59 anos na quarta-feira (16), mas o município adiantou parcialmente o início da vacinação do grupo. 

“Nós voltamos agora para a vacinação pelas faixas etárias, após imunizarmos todo o grupo de pessoas com comorbidades, os profissionais da Saúde, da assistência social, gestantes acima de 18 anos e vacinaremos também a população em situação de rua, além de ter esse foco maior nas faixas etárias”, disse o prefeito da capital, Ricardo Nunes.

Leia também

Nesta quinta-feira (10), todo o estado deu início à vacinação de pessoas com deficiência permanente, seja física, sensorial ou intelectual, acima de 18 anos. Na sexta-feira (11), profissionais da educação básica entre 18 e 44 anos também poderão receber o imunizante contra covid-19. 

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Na última segunda-feira, a capital começou a vacinar todas as grávidas e puérperas (45 dias após o parto) sem comorbidades e com mais de 18 anos. Estão sendo usadas as vacinas Pfizer e CoronaVac. 

Confira o calendário de vacinação contra a covid em SP:

  • 7 de junho: pessoas com comorbidades entre 18 a 29 anos e pessoas com deficiência permanente (BPC) de 18 a 29 anos

  • 9 de junho: profissionais da educação de 45 e 46 anos

  • 10 de junho: pessoas com deficiência permanente física, sensorial ou intelectual; grávidas e puérperas (45 dias após o parto)

  • 11 de junho: profissionais da educação entre 18 e 44 anos

  • Entre 16 de junho a 7 de julho: pessoas de 55 a 59 anos

  • Entre 9 de julho a 19 de julho: 54 anos

  • Entre 20 de julho a 3 de agosto: 50 a 53 anos

  • Entre 4 de agosto e 18 de agosto: 45 a 49 anos

  • Entre 19 de agosto e 28 de agosto: 40 a 44 anos

  • Entre 29 de agosto e 7 de setembro: 35 a 39 anos

  • Entre 8 de setembro e 17 de setembro: 30 a 34 anos

  • Entre 18 de setembro e 27 de setembro: 25 a 29 anos

  • Entre 28 de setembro e 18 de outubro: 18 a 24 anos

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos