Vacinou ou não? Produtor da Marvel comenta polêmica de Letitia Wright

Letitia Wright como Shuri em
Letitia Wright como Shuri em "Pantera Negra: Wakanda para Sempre". (Foto: Divulgação/Marvel Studios)

"Pantera Negra: Wakanda para Sempre" chegou aos cinemas nesta quinta-feira (10) e Nate Moore, produtor da Marvel Studios, comentou sobre a polêmica de Letitia Wright envolvendo a vacina contra Covid-19. Em 2020, uma reportagem apontou que a atriz teria atrasado a produção do longa por recusar a imunização.

Entretanto, o produtor declarou que o estúdio não cobrou a vacinação do elenco. “Não é uma pergunta que nós fizemos para ninguém do elenco, para ser sincero. E ela nunca falou sobre o ponto de vista dela, de qualquer forma”, disse em entrevista à revista "Variety".

“Nós lemos algumas reportagens que foram injustas, e não sabemos de onde aquilo saiu. Como alguém que estava no set o tempo todo, acho que eu teria ouvido alguma coisa”, completou.

No entanto, Moore não informou se Letitia tomou ou não a vacina. Durante as filmagens, rumores apontavam que a Disney, dona da Marvel Studios, teria solicitado que todos os integrantes das produções se vacinassem, seguindo as restrições da CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças, dos Estados Unidos).

Acidente de Letitia Wright no set de "Pantera Negra 2"

O acidente mencionado por Nate Moore, que paralisou as filmagens de "Wakanda para Sempre", aconteceu em 2021, quando a atriz gravava uma sequência de ação e fugia dos agentes do governo norte-americano pilotando uma moto por Boston.

Durante a filmagem, Letitia tombou do veículo e acabou fraturando o ombro e tendo uma concussão. Ela só voltou ao set quase cinco meses depois. “Ainda estou processando. Ainda estou trabalhando nisso na terapia. Foi realmente traumático”, afirmou a artista.

“Eu amo esses atores, então é algo bem ruim. Letitia é como a minha irmã caçula. Imagine receber uma ligação dizendo que sua irmã está machucada. É a pior coisa do mundo”, declarou o diretor do longa, Ryan Coogler.