Valor de mercado de Gabigol aumenta e atacante do Flamengo tem sua maior valorização na carreira

Gabigol não foi apenas o homem-gol do Flamengo na final da Copa Libertadores e o artilheiro com 9 gols. O atacante ainda conquistou o Brasileirão e se mantém como o goleador máximo, com 22 gols a quatro rodadas do fim. Os títulos e ponderio certeiro fizeram o jogador de 23 anos aumentar o seu valor de mercado significativamente. Gabriel Barbosa passou de 18 milhões de euros (cerca de R$ 84,5 milhões) para 23 milhões de euros (cerca de R$ 108 milhões), segundo o "Transfermakt", site especializado em valores de mercado.

Essa é a maior valorização na carreira do jogador. Antes disso, o máximo que Gabigol já havia atingido era 20 milhões de euros em 2016, quando foi vendido pelo Santos à Inter de Milão. Atualmente, o craque é o terceiro jogador mais caro do Brasileirão.

Outro que também se valorizou foi Reinier. A joia do Flamengo, de 17 anos, é o segundo mais valorizado do Campeonato Brasileiro e subiu de 15 milhões de euros para 25 milhões de euros depois da sua primeira temporada como profissional. Clubes europeus como Barcelona, PSG, Atlético de Madri e Borussia Dortmund estão de olho no jogador.

"Reinier é o maior talento do Brasil e nas suas exibições pelo Flamengo mostrou que consegue confirmar o seu desempenho que mostrou na equipa base", diz Yoann-Moutinho utilizador do Transfermarkt e Datascout do Brasil.

O primeiro lugar continua sendo de Everton Cebolinha, do Grêmio, que custa 35 milhões de euros, mas teve uma desvalorização de 5 milhões de euros.

Já o plantel do campeão Flamengo teve uma valorização significativa e subiu para 143 milhões de euros. O Rubro-Negro é agora a segunda equipe mais valiosa da América do Sul, atrás apenas do River Plate, que vale 154 milhões de euros.