"Vamos ver quem está sendo vilão nessa história", diz Bolsonaro sobre alto preço da gasolina

·1 minuto de leitura
O presidente Jair Bolsonaro (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
O presidente Jair Bolsonaro (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
  • Presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governo federal não é o responsável pelo alto preço da gasolina

  • Sem citar São Paulo ou os demais Estados, Bolsonaro fez referência ao ICMS

  • "Vamos ver quem está sendo vilão nessa história. Não é o governo federal", disse

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governo federal não é o responsável pelo alto preço da gasolina do país. "Vamos ver quem está sendo vilão nessa história. Não é o governo federal", disse em discurso durante cerimônia em Manaus (AM).

"Hoje em dia, o litro da gasolina é vendido nas refinarias na casa de R$1,95. Se está R$6, R$7 o litro, que é um absurdo, o imposto federal na casa R$0,70, vamos ver quem está sendo vilão nessa história. Não é o governo federal", destacou.

Sem citar São Paulo ou os demais Estados, Bolsonaro fez referência ao ICMS, imposto sobre mercadorias e serviços, que é um tributo estadual e que faz parte do cálculo de definição de quanto a gasolina irá custar para o consumidor final.

Leia também:

"A gente lamenta que alguns estados do Brasil, como o estado economicamente ativo, foi o estado que aumentou o ICMS em plena pandemia. É lamentável isso, pensar nos mais humildes é zerar impostos, não aumentar impostos. E fazer com que na ponta da linha produtos de primeira necessidade cheguem mais barato na mesa do povo", completou Bolsonaro.

Em alguns Estados, a gasolina já ultrapassou o valor de R$6 por litro.

O presidente fez ainda uma referência ao preço do gás de cozinha."O botijão de gás custa na origem R$45 e o governo federal simplesmente zerou o imposto federal para o gás de cozinha. Se chega a R$ 130, a responsabilidade não é do governo federal, são impostos estaduais bem como frete e margem de lucro", completou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos