Argumento do Flamengo no STJD sobre uso do Maracanã na Copa do Brasil não valeu para o Vasco

Causou estranheza no Vasco um dos argumentos do Flamengo na ação movida no STJD contra a inversão de mando de campo do sorteio das quartas de final da Copa do Brasil.

A diretoria rubro-negra alega que seria possível manter tanto seu jogo de volta quanto o do Fluminense no Rio, bastando que um time jogasse na quarta-feira e o outro na quinta-feira.

Mas quando o Vasco solicitou tal liberação, o Flamengo argumentou dano técnico ao gramado do Maracanã. A diretoria cruzmaltina, desde então, desistiu de solicitar outras partidas no estádio.

O jogo que poderia acontecer lá, no dia 31, contra a Chapecoense, será em São Januário. O Flamengo, que manteve o Maracanã fechado para descanso do gramado desde o jogo com o Atlético-MG, vai reabrir o palco para as quartas de final da Copa do Brasil contra o Athletico-PR, no dia 27.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos