Vaticano participa pela primeira vez do festival de tecnologia SXSW

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Pela primeira vez, o Vaticano foi convidado a participar do festival de tecnologia South by Southwest (SXSW), que acontece nos Estados Unidos entre os dias 10 e 19 deste mês.

O enviado à feira foi o secretário-adjunto do Conselho do Pontífice para a Cultura, o bispo irlandês Paul Tighe, 59. Em 2012, ele chefiava o Conselho do Pontífice para Comunicação Social quando o então papa Bento 16 criou uma conta no Twitter. Tighe foi o responsável por aumentar a presença do Vaticano nas redes sociais.

Com outros membros da área de comunicação da Igreja Católica, Tighe falou na mesa "Rompimento com compaixão", realizada no último domingo (12), em Austin, no Texas.

"Você certamente é o único em uma batina e possivelmente o único com cabelo branco", afirmou Tighe ao jornal "National Catholic Reporter".

"As pessoas devem ficar surpresas com a presença da igreja, mas há tantos lugares onde a igreja não é mais convidada que é importante responder positivamente a um convite", disse Tighe ao Serviço de Notícias Católico. "Mesmo que seja um encontro um pouco incomum."

Para o diretor do SXSW, Hugh Forrest, "este papa e a atual administração do Vaticano vem abraçando a tecnologia". "Acredito que o papa tenha um papel de liderança como poucos outros têm. Nós gostamos de mostrar líderes inovadores e criativos."

A discussão no painel apresentado por Tighe girou em torno de como a Igreja Católica deve se posicionar como uma marca e como a igreja pode usar as redes sociais para o bem.

Hoje, a conta mantida pelo papa Francisco em inglês tem 10,5 milhões de seguidores.