Especial de Roberto Carlos: "Nem imaginava que ele sabia que eu existia", diz Lucas Lima

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·5 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Fafá de Belém
    Cantora e compositora brasileira

Haja amigos de fé, irmãos e camaradas para comparecer ao especial de fim de ano do Rei! A verdade é que Roberto Carlos já tem bem mais do que os sonhados um milhão de amigos de sua canção e este momento de reencontro faz querer buscar um lugarzinho na agenda para cada um deles. Reencontro, aliás, é o tema deste show que será exibido hoje, às 22h20, na TV Globo.

Depois de um 2020 sem o tradicional especial, este ano a apresentação ainda não tem público presencial, mas os convidados que estarão no palco prometem representar os fãs e os outros amigos do Rei nesta festa de clássicos da corte real.

— Gravamos normalmente, pensando na plateia que estará em casa, como se estivessem ali, na nossa frente — destaca LP Simonetti, diretor artístico do espetáculo há sete anos, que completa: — A escolha dos convidados é feita em conjunto, como em todos os nossos especiais, entre direção e Roberto. Neste ano, o conceito de reencontro estava presente na escolha. 

Entre os convidados, há muitos que já estiveram nessa festa, que acontece desde 1974. Mas isso não quer dizer que a sensação mude para esses fãs-artistas. 

— Da outra vez que eu cantei com ele, há 12 anos, foi um dos momentos na minha carreira inteira que eu mais tremi na vida. Foi uma emoção inesquecível — recorda Sandy, que este ano se apresenta ao lado do marido, Lucas Lima. 

O músico, aliás, é um dos estreantes no especial, e não esconde a alegria de debutar nesta festa. 

— Nem imaginava que ele sabia que eu existia, foi uma surpresa — pontua Lucas. 

Além do casal, acompanham o Rei a banda Jota Quest, os amigos Erasmo Carlos e Wanderléia, Fafá de Belém, Liah Soares, a dupla Zezé Di Camargo & Luciano, Zeca Pagodinho, Ivete Sangalo e integrantes do coral Resgate Para A Vida. 

A cantora paraense Liah Soares é outra estreante. Com Roberto, ela vai cantar a música “A cor do amor”, da trilha sonora da novela “Um lugar ao sol”. 

— Todo artista brasileiro sonha em estar aqui no especial do Roberto Carlos e eu sonho com isso a minha vida inteira. Ele é uma das principais influências musicais para mim, e estar aqui, cantando uma canção de minha autoria, em um dueto com ele, eu não tenho nem como dimensionar isso — vibra a cantora. 

Aos mais conhecidos do Rei, a emoção também está garantida. 

— É muito bonito estar gravando com os meus amigos, é bem difícil ter essa junção, mas, quando acontece, é muito bom, a gente coloca o papo em dia — ressalta Erasmo. 

Veja as frases de outros artistas abaixo. 

Fafá de Belém: "Gravar com o Roberto é sempre um presente. Ele é uma das pessoas mais generosas que eu conheço no nosso meio. É discreto, generoso, amigo e querido. Eu tenho 47 anos de carreira e conheço o Roberto desde menina". 

 Zeca Pagodinho: "Já é a terceira vez que eu gravo com o Roberto. É sempre muito legal, a gente se identifica muito. Estou animado para este Especial e para ver todos os convidados".   

 Wanderléa: "É uma alegria muito grande estar aqui. Virou uma festa. Muito tempo sem encontrar todo mundo, estamos encantados para estar junto com o Roberto. O público pode esperar uma noite inesquecível, uma alegria só".   

 Ivete Sangalo: "É a terceira vez que a gente se encontra no palco. Já tive a alegria de cantar com Roberto em diversas situações diferentes. Ser lembrada pelo Roberto tantas vezes para mim é um privilégio. Sempre é uma emoção. Ele se entrega muito. Ele é impecável. É um dos maiores cantores do Brasil, um dos maiores compositores e um dos maiores intérpretes".   

Zezé Di Camargo: "Encontrar o Roberto é muito emocionante. Ele é o nosso grande ídolo da música popular brasileira em todos os sentidos. Roberto une as pessoas nem casa e nos Especiais dele. É um ser humano muito especial".  

Luciano: "É sempre maravilhoso, por mais que a gente já tenha participado de outros Especiais com ele, ainda bate aquele frio na barriga, aquela expectativa, porque o rei é o rei, né? A expectativa para gente é enorme". 

Rogério Flausino (vocalista do Jota Quest): "Eu esperei o ano inteiro por esse reencontro. É o reencontro com o Rei. Esse ano tem Jota Quest na parada e a gente está muito feliz. Cantar com o Roberto é uma expectativa sempre muito grande. É um presente de Natal que você espera a vida inteira e, de repente, ele chega. E, é óbvio, é uma excelente oportunidade de estar ao lado dele, mandando uma mensagem positiva de paz e esperança para o Brasil inteiro, todas as famílias que se reúnem para assistir esse especial há tantos anos. É uma honra, é um orgulho".   

Roteiro real 

Repertório

Segundo o diretor LP Simonetti, a proposta é que Roberto cante canções que fizeram sucesso com os convidados. 

“Além dos hits quase que obrigatórios dele, teremos muitas versões inéditas”, avisa. 

Canções

Entre essas canções, estão “Vivendo por viver”, lançada por ele na década de 70 e que também foi gravada por Zezé Di Camargo & Luciano; “Eu nunca amei alguém como eu te amei”, que será cantada por Ivete Sangalo e também foi gravada pelos dois artistas em anos diferentes; e “As canções que você fez pra mim”, interpretada por Sandy. 

Dores e delícias

O ano de 2021 foi de celebração e tristeza para o Rei. Em abril, o cantor e compositor completou 80 anos de idade. Já em setembro, Roberto Carlos sofreu a dura perda de seu filho Dudu Braga, que morreu aos 52 anos, de câncer. Antes disso, em agosto, ele pôde ir ao casamento de Dudu. 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos