Veja o que é fake nas campanhas de Lula e de Bolsonaro na volta do horário eleitoral

Ex-presidente Lula (PT) e atual presidente Jair Bolsonaro (PL), candidatos ao Planalto no segundo turno de 2022 (Foto: Editoria de Arte / Yahoo Notícias)
Ex-presidente Lula (PT) e atual presidente Jair Bolsonaro (PL), candidatos ao Planalto no segundo turno de 2022 (Foto: Editoria de Arte / Yahoo Notícias)

Nesta sexta-feira (7), foi retomado o horário eleitoral gratuito apenas com os dois candidatos que estão concorrendo no segundo turno: Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL). Os horários continuam iguais aos do primeiro turno. Na TV, as propagandas serão veiculadas de segunda-feira a sábado, das 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40. No rádio, irão ao ar de 7h às 7h10 e de 12h às 12h10.

Nesta volta, tanto a propaganda de Lula quanto de Bolsonaro reproduziram informações distorcidas. Confira a checagem do Yahoo! Notícias.

Lula

"Esse é o Brasil de Bolsonaro [...] milionários fazendo fila para comprar jatinhos".

Campanha eleitoral de Lula, veiculada na televisão no período da tarde, em 7 de outubro de 2022

Essa informação teve como referência uma reportagem da Folha de S. Paulo, que chegou a aparecer nas imagens. Contudo, ela foi utilizada de maneira distorcida já que, segundo o texto, a fila de espera na compra de jatinhos foi um fenômeno decorrente da pandemia.

O texto explica que durante esse período cresceu o interesse pela compra aviões particulares entre os super-ricos. Contudo, problemas nas cadeias produtivas como a falta de peças, não permitiram que a oferta de jatinhos acompanhasse a nova demanda.

Nesse sentido, o texto destaca que as filas de espera não se limitaram ao Brasil: "Diante da escassez, os milionários passaram a disputar cada jatinho colocado à venda. Não só no Brasil, mas no mundo todo". A reportagem da Folha chegou a consultar uma especialista que reforçou que tendência é mundial: "Bruna Strambi, diretora da Líder, uma das maiores empresas de aviação executiva do país, diz que a alta demanda é um fenômeno global".

Bolsonaro

"Os candidatos que estão com o presidente Bolsonaro receberam uma votação histórica, formando maioria na Câmara e no Senado".

Campanha eleitoral de Bolsonaro, veiculada na televisão no período da tarde, em 7 de outubro de 2022

Não é possível afirmar que o presidente Jair Bolsonaro já formou maioria no Congresso. De acordo com um levantamento feito pelo G1, caso eleito, Bolsonaro não contaria automaticamente com o apoio do Senado nem da Câmara de Deputados.

Embora tenham sido eleitos mais parlamentares alinhados a Bolsonaro do que a Lula, ambos precisarão negociar o apoio com, aproximadamente, um terço da Câmara e metade do Senado.

No caso de Bolsonaro, somando o número de parlamentares de seu partido, PL, com os já aliados PP e Republicanos, além do PSC e do PTB que anunciaram apoio para o segundo turno, ele contaria com 194 deputados e 25 senadores.

Já Lula, reuniria 144 deputados e 16 senadores, somando os parlamentares do PT com os já coligados PCdoB; PV; PSOL; Rede; PSB; Avante; Solidariedade e Pros, assim como o PDT e o Cidadania, que apoiaram a candidatura do petista no segundo turno.

Restam assim, 175 deputados e 40 senadores de partidos não coligados: União, MDB, PSD, PSDB, Podemos, Patriota e Novo, cujo apoio ainda pode ser negociado.

Para formar uma maioria absoluta, por exemplo, o futuro presidente precisa de 257 deputados e 41 senadores votando no mesmo sentido. Já para aprovar PECs (propostas de emenda à Constituição), é necessária uma maioria de três quintos, formada por 308 votos favoráveis na Câmara e 54, no Senado. Para a maioria simples, basta o número de votos da maioria dos presentes, devendo, no mínimo, estar presente a maioria absoluta na Câmara (257) e no Senado (41).

Qual a data do segundo turno das Eleições 2022?

O segundo turno será disputado no dia 30 de outubro, último domingo do mês. Assim como no primeiro turno, o horário em que os colégios eleitorais estarão abertos para receber os eleitores será das 8h às 17h no horário de Brasília. Locais com fuso diferentes do da capital deverão adaptar seus horários para que o encerramento em todo o país seja simultâneo.

Quais cargos serão votados no segundo turno das Eleições 2022?

Em estados nos quais houver necessidade, haverá disputa para governador. Todos os estados e o Distrito Federal votarão para presidente da República.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica no segundo turno das Eleições 2022

  1. Governador (dois dígitos)

  2. Presidente da República (dois dígitos)